Central de notícias

Trabalhadores de Caieiras já utilizam serviços digitais disponibilizados pelo Ministério do Trabalho

Publicado em 29/01/18 09:20 AM

Em novembro de ano passado, o Ministério do Trabalho lançou um pacote com quatro ações para melhorias e modernização do atendimento e qualificação dos trabalhadores. Entre elas se destacam a Escola do Trabalhador, uma plataforma digital de ensino à distância, totalmente gratuita, para qualificar os trabalhadores; o aplicativo Sine Fácil, que ganhou nova versão, em que o trabalhador pode buscar por vagas de emprego através de qualquer smartphone ou tablet, não precisando comparecer pessoalmente ao PAT, evitando perda de tempo, filas e gastos com transporte e alimentação; a Carteira de Trabalho Digital; e também o Seguro Desemprego via web, permitindo que o benefício seja solicitado de casa, assim que o trabalhador recebe os documentos na demissão.

E assim fez a munícipe Letícia Lemos, que solicitou o benefício em casa e compareceu no PAT de Caieiras apenas para confirmar o requerimento e receber a liberação com as datas e valor a receber.

Segundo o supervisor do PAT, Celso R. Berti, "a nova medida da plataforma digital protege o trabalhador diminuindo os riscos de fraudes no sistema, além de agilizar o tempo de recebimento, pois o prazo de 30 dias para receber o benefício começa a contar a partir do preenchimento do cadastro pelo trabalhador, no sistema, e não a partir da data de liberação pelo PAT".

"Acompanhamos as dificuldades que os munícipes enfrentam nesse momento no Brasil, e estamos empenhados para ajudá-los da melhor maneira, prestando serviços mais eficientes", destacou o Secretário de Desenvolvimento Econômico e Emprego, Fredy Arl Schnell.

 

Desde o lançamento da plataforma digital, a Prefeitura de Caieiras, através do PAT, tem intensificado a divulgação na região para o uso dos serviços digitais do Ministério do Trabalho. É mais uma ação do prefeito Gersinho Romero, focando na qualidade e agilidade no atendimento ao cidadão.

Seguro Desemprego Web

 

Como funciona:

  • Para ter acesso aos serviços do Emprega Brasil, a primeira coisa que o trabalhador precisa fazer é se cadastrar no site:

  • Ao clicar em “Cadastrar” abrirá a tela do cidadão.br, a ferramenta de autenticação do trabalhador no site:

 

Será necessário informar dados pessoais (CPF, nome, data de nascimento, nome da mãe, estado de nascimento (se for nascido no exterior, a opção será “Não sou brasileiro”). Essas informações serão validadas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (Cnis). Caso estejam corretas, o trabalhador será direcionado a responder um questionário com cinco perguntas sobre seu histórico laboral. Por isso, é importante ter em mãos a Carteira de Trabalho física. É preciso acertar pelo menos quatro das cinco perguntas. Em seguida, o trabalhador receberá uma senha provisória que deverá ser trocada no primeiro acesso. Caso o usuário não consiga acertar as respostas, terá de aguardar 24 horas para uma nova tentativa ou entrar em contato com a central 135 do INSS para auxílio.

 

Fonte: Ministério do Trabalho

Todos os direitos reservados à Portal Caieiras.